Seja Bem-Vindo

Seja Bem-Vindo

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Do Vento





Do Vento

Pálido frio, ferrugem de final de tarde,
sibilar do vento nas curvas dos morros
emudeceu nos telhados de argila,
áspero, cortante,

dorso de iguana,
invade janelas da casa transparente:
antena de inseto, rodopio de folhas, latido de cães,
passos anônimos pelas ruas.

Depois, silêncio a calar bocas.
Lampejos de luz enviesada
a entremear folhas

opacas, soltas no chão.
Pigmentos de uma presença,
borrão no papel.


(Imagem: óleo de Marlene Edir Severino)
Junho, 29 de 2011

10 comentários:

  1. Frio e chuva, mas em versos suaves como os seus. Um abraço, Yayá.

    ResponderExcluir
  2. Boa noite...e que borrão hein? Que bela pintura, parabens...Junto dos sons vindos da rua, vinha tambem o son de teu coração, que abafado pelo silencio, batia tao forte quanto o meu coração...bjin....belo!

    ResponderExcluir
  3. Não sei o que mais devo aplaudir: se tuas palavras ou tuas telas?
    Que jeito me dava saber pintar assim... cada vez que escrevo alguma coisa, passo um tempo enorme a procurar uma imagem que encaixe nas minhas palavras. Tu não tens esse problema.

    Abraço

    Runa

    ResponderExcluir
  4. Aqui tudo merece elogio na verdade você é muito especial .
    Um feliz final de semana beijos no coração,Evanir.

    ResponderExcluir
  5. O vento e seus soprares é sempre mágicos e nos invade de aromas e cores que jamais sairão da nossa memória...
    Lindo o que sempre vejo por aqui!
    Abraços

    ResponderExcluir
  6. imagens lindas com poemas em sintonia, belíssimo Edir

    beijos

    ResponderExcluir
  7. Que beleza vc desenhar o que escreve ou escrever o que desenha! Lindo seu blog! Parabéns!

    ResponderExcluir
  8. Boa noite, passando para te pedir um favor, pode ser? Então...voce pode me fazer um favor? Entre no meu http://meumodosuavedeescrever.blogspot.com, la voce clika num selinho "TROVADOR LIRICO", vais entrar no blog.OSTRA DA POESIA, tem uma porta marrom, que abre e fecha, entre nela e veras meu poema: O poeta...seus rabiscos...agora, va no final da pagina e envie uma mensagem votando no meu poema, pronto! Obrigada e sempre estarei a te visitar...BJIN em seu coração!

    ResponderExcluir
  9. Lindo demais teu trabalho, parece uma aqurela indecifrável....
    no mais, me sinto um borrão tbm!

    ResponderExcluir